Estudo e análise da Intolerância Alimentar - PRONUTRI
   

A nossa equipa interdisciplinar (médico, psicólogo, nutricionista), está habilitada para o(a) ajudar a corrigir hábitos alimentares e adoptar uma dieta equilibrada, adequada às suas necessidades e estilo de vida.

Saberá também quais os alimentos que pode comer e quais os que deve evitar.

Entre outras disponibilizamos as seguintes análises:

  • Análise sanguínea

  • Análise do stress oxidativo

  • Análise de intolerâncias alimentares

  • Análise do metabolismo e composição corporal

  • Perfil alérgico alimentar

A intolerância alimentar é uma reacção corporal reproduzível, desagradável e adversa do organismo, causada por mecanismos não imunológicos, a uma substância tóxica, metabólica ou química que contenha um alimento, que não oferece bases psicológicas e acontece ainda quando o alimento é ingerido numa forma que a sua identificação é impossível. (Royal College of Physicians 1984).

A tolerância alimentar deve-se à formação de anticorpos a certos alimentos, não do tipo IgE (que desencadearia um processo alérgico), senão em uma primeira etapa do tipo IgA e trás múltiplos estímulos à formação de IgG.

Calcula-se que 45% da população espanhola sofre de tolerância alimentar e que dentro de vinte anos, esta irá afectar um em cada dois Europeus.

Alergia alimentar é uma forma de intolerância aos alimentos em que é evidente uma reacção imunológica anómala aos mesmos; é uma reacção similar aquela em que o corpo se defende de agentes infecciosos ou outros agentes capazes de o danificar. (Royal College of Physicians 1984).

 

Falar de alergia a um alimento específico, significa que o sistema imunológico de uma pessoa o reconhece como estranho, como potencialmente perigoso sem o ser, e reage a ele, libertando anticorpos chamados IgE (Imunoglobulina E) que podem ocasionar diferentes níveis de resposta.

Nos casos de intolerância não existe libertação de anticorpos para atacar o "suposto" inimigo como sucede em uma alergia. A intolerância ocorre simplesmente porque o organismo da pessoa não possui as enzimas necessárias para digerir determinado alimento. Um caso frequente é a intolerância à lactose, um componente do leite.

“O organismo responde ás substâncias ingeridas de acordo com a sua estrutura e não com a sua origem ou classificação realizada. Entre o natural e o artificial não há base científica”

 

Para conseguir uma saúde óptima é vital descobrir as necessidades individuais do organismo.

Nutrição óptima, significa respeitar a individualidade bioquímica, proporcionando todos os nutrientes adequados às células para que estas funcionem o melhor possível.

Para além do aumento de peso, muitas patologias têm sido associadas a intolerâncias alimentares, tais como:

  • enxaquecas

  • dor de cabeça

  • ansiedade

  • depressão

  • dermatites

  • eczemas

  • dor abdominal

  • enfartamento

  • doenças inflamatórias intestinais

  • asma

  • rinite

  • alterações de humor e irritabilidade

  • cansaço

O PRONUTRI®  é um exame de intolerâncias alimentares a 545 alimentos,  que nos permite planear eficazmente uma dieta para essas diversas patologias, indicando os alimentos que devem ser evitados e os que devem ser ingeridos com mais frequência ou moderadamente.

Este  exame pode ajudar a fornecer uma alimentação saudável em que os alimentos são completamente digeridos, metabolizados sem serem armazenados sobre a forma de gordura e sem provocarem reacções inflamatórias.

PRONUTRI® pode ser útil, tanto na perda de peso, como no aumento, mas essencialmente para prevenir patologias. 

As necessidades energéticas e nutricionais variam ao longo da vida em função das alterações físicas e morfológicas do organismo.

Não somos todos iguais, cada pessoa necessita de um tipo de alimentação individual baseada nas suas necessidades bioquímicas.